Hospital de Cirurgia Plástica
(18) 99629-4826 (18) 3323-5600
10 de março de 2020

Os 10 erros mais comuns no uso da cinta

Erro 1 – Compressão

A cinta precisa estar confortável e não muito apertada.

 

Erro 2 – Modelo errado

Peça auxílio ao seu cirurgião, pois o modelo da cinta depende do tipo de cirurgia realizada.

 

Erro 3 – Permitir que a cinta dobre

A cinta não deve dobrar, principalmente quando se senta. As talas e placas servem para manter, principalmente, a região da cintura, sem dobras.

 

Erro 4 – Fazer esforço ao vestir a cinta

No início do seu pós operatório delegue isso a terceiros, o o esforço ao colocar a cinta pode acarretar em tonturas e desmaios.

 

Erro 5 – Tempo de uso errado

Cada paciente tem um período de uso da cinta, dependendo da evolução de cada caso. Por isso, não considere a experiência de terceiros como referência, confie na indicação do seu cirurgião.

 

Erro 6 – Uso excessivo da cinta

O uso excessivo da cinta também é prejudicial pois a musculatura precisa ser trabalhada e fortalecida e estender o uso da cinta por um período longo demais, acaba trazendo prejuízos a esses músculos.

 

Erro 7 – Pressão excessiva em algumas áreas

Algumas regiões específicas como virilha, perna e axilas devem também estar confortáveis, se os elásticos dessas cintas estiverem garoteando essas áreas, é preferível que se use cintas maiores mas que fiquem totalmente confortáveis.

 

Erro 8 – Costuras viradas para dentro

As malhas cirúrgicas tem suas costuras viradas para fora. As costuras em contato com a sua pele podem causar marcas. Caso seu cirurgião peça para que você aperte sua cinta, sempre faça dobras que fiquem para fora e nunca para dentro em contato com a sua pele.

 

Erro 9 – A alça da cinta muito apertada

Dores de cabeça e mal estar podem ser um indicativo de que talvez a alça nos ombros podem estar muito apertadas, verifique essa condição.

 

Erro 10 – Usar apenas uma cinta

Não dá pra economizar nesse momento, não dá pra ficar sem cinta enquanto uma está lavando. É importante você ter pelo menos duas cintas para fazer esse rodízio.

 

Para mais informações, fique à vontade para marcar uma consulta. Escreva-me também através das redes sociais:
Instagram: @fdgcirurgiaplastica
Facebook: @fdgcirurgiaplastica

 

Dr. Edélcio S. Shimabucoro
CRM-SP 79 890 | RQE 55563

 


📱 (18) 99751-2538 whatsapp agendamento de consulta.
📱 (18) 99629-4826 outros atendimentos

Deixe um comentário
Você também pode gostar
Ginecomastia: Compreensão e Opções de Tratamento
+
Ginecomastia: Compreensão e Opções de Tratamento

A Ginecomastia, muitas vezes desconhecida, é uma condição que afeta homens e pode ter um impacto significativo em sua saúde emocional e autoestima. Vamos ...

3 de janeiro de 2024
Varizes e Trombose no Planejamento da Cirurgia Plástica
+
Varizes e Trombose no Planejamento da Cirurgia Plástica

Ao considerar uma cirurgia plástica, é natural surgirem dúvidas sobre fatores que podem influenciar o procedimento. Entre essas preocupações, as varizes e a ...

28 de novembro de 2023
Como se forma o calo ósseo após a Rinoplastia?
+
Como se forma o calo ósseo após a Rinoplastia?

Após a rinoplastia, especialmente em casos de remodelação significativa da estrutura nasal, pode ocorrer a formação de um calo ósseo. Este fenômeno é ...

7 de fevereiro de 2024