Hospital de Cirurgia Plástica
(18) 99751-2538 (18) 3323-5600
16 de fevereiro de 2017

Qual o tamanho ideal das próteses?

Tal a principal dúvida das pacientes é“QUAL É O TAMANHO IDEAL DAS PRÓTESES?“. É muito comum não se ter ideia de volume e do resultado que se pode ter, então entender bem esse tópico é fundamental para ter um resultado de acordo com a sua expectativa: Existem implantes dos mais variados tamanhos, indo de 125 ml até mais de 1 litro, e a tendência das últimas décadas são mamas cada vez maiores. Sabia que há uns 15 anos um implante de 180 ml era considerado um exagero? Há 5 anos o tamanho médio dos implantes usados pelas brasileiras era de 250 a 275 ml. Esses números vêm aumentando e ultimamente é freqüente o desejo por implantes de 325 ml ou mais. Escolher uma prótese grande pede alguns pontos de atenção, como o comprometimento dos tecidos das mamas e a sobrecarga de peso sobre a coluna a médio e longo prazo. Atualmente, dois grandes cirurgiões americanos, Dr. Adams e Dr. Tebbetts, têm artigos publicados em que chegam à conclusão de que nem sempre mais é melhor. Eles chegaram a uma “fórmula científica” de quanto de volume pode ser colocado em uma mama e que eu aplico já há alguns anos.

Nela, avalia-se:

Base das mamas e conformação torácica. Se a base da mama e do tórax for menor que a base do implante, ele simplesmente “brigará” com a anatomia e os limites do contorno da região.
Quantidade e qualidade de pele. Pele elástica, de boa qualidade e sem sobras recebem e acomodam melhor implantes maiores.
Quantidade e qualidade do tecido mamário. Mamas com tecido de glândula firme e de boa consistência geralmente “vestem” melhor os implantes e “desenham” com muito mais beleza e harmonia as mamas. Analisando esses fatores e levando em conta a vontade da paciente, chegamos ao tamanho das próteses a serem utilizadas.

Observação: é importante confiar na experiência do cirurgião no momento dessa escolha. Muitas vezes a mulher acredita que um tamanho X vai ficar bom, sem levar em consideração esses fatores mencionados. Minha orientação é deixar claro para o médico qual é a sua expectativa para que ele possa orientar o melhor caminho para chegar lá.

Os formatos das próteses

Nem todas as próteses são iguais, e embora cada cirurgião tenha as suas preferências, para cada tipo de situação é preciso saber das opções.

Alguns dos formatos mais conhecidos das próteses de silicone são:

  • Redondas de perfil super alto, perfil alto, perfil moderado ou perfil baixo (a diferença aqui está na proporção de base ou diâmetro com relação a projeção ou altura – simplificando: o mesmo volume pode ser mais estreito com mais projeção ou mais largo com menos projeção);

 

  • Anatômicas (algumas chamadas de gota e outras de formato natural). Não preenchem tão bem o “colo” e muitas mulheres querem exatamente isso ao implantar uma prótese (aquela “curvinha”). Neste caso esse formato não é o mais indicado.
  • Cônicas. São as menos usadas, e sua melhor indicação é para mamas com grau leve de flacidez ou para mamas que tenham aquela forma “esparramada” (espalhada).

Não há uma “receita de bolo” que diga qual o melhor formato para cada mulher. No consultório sempre oriento que a harmonia corporal às vezes é mais importante do que apenas um peito grande, afinal as mamas devem combinar com a cintura e o bumbum. Para ajudar na escolha, há provadores de diversos tamanhos que podemos usar para simular o que ficará melhor. Alguns cirurgiões mostram fotos com o resultado de cirurgias para exemplificar. Eu particularmente gosto muito dos implantes redondos de perfil super alto ou extra-alto e tenho conseguido bons resultados e pacientes muito satisfeitas. Mas cada cirurgião tem a sua preferência e a sua experiência.

Deixe um comentário
Você também pode gostar
Prótese de silicone: o que você precisa saber!
+
Prótese de silicone: o que você precisa saber!

Quando decidimos colocar uma Prótese de Silicone, o antes e depois é algo que provoca muitos questionamentos. Mas as principais dúvidas com certeza são em ...

4 de abril de 2019
Colar a orelha do bebê com esparadrapo diminui a “orelha de abano”?
+
Colar a orelha do bebê com esparadrapo diminui a “orelha de abano”?

Não! Hábito ainda pode provocar irritações ou infecções na pele do bebê. É só o bebê nascer com a orelha um pouco mais saltada para fora que, logo na ...

27 de julho de 2019
Abdominoplastia, pra quem é indicada?
+
Abdominoplastia, pra quem é indicada?

O Brasil está no ranking dos países que mais realizam cirurgia plástica no mundo. Entre as mais realizadas estão à lipoaspiração, aumento ou redução de ...

30 de maio de 2019